Duas pessoas reformadas a ler um livro descontraidamente

Dicas infalíveis para planear a reforma com serenidade

Relaxar, viajar, ter mais tempo para a família e para os projetos pessoais estão entre os principais desejos ao atingir a idade da reforma. Após uma vida de trabalho, o descanso é merecido. Mas há que saber planear esta nova fase.

Anos a fio a trabalhar, sempre com a esperança de que quando atingir a reforma vai ter mais tempo para si e para a sua família! Conseguir gozar o mais possível do descanso merecido após a vida ativa é um objetivo que deve ser preparado com antecedência. Uma boa estratégia de planeamento financeiro vai-lhe permitir viver com serenidade nesta fase da vida.

Atualmente, em Portugal a compensação monetária após a reforma ainda não permite uma vida desafogada. Segundo uma sondagem efetuada em 2019 pelo Instituto BBVA de Pensões, o valor médio da pensão dos reformados é de 605 euros. Isto representa uma perda significativa no nível de vida. Face a este cenário, a mesma sondagem conclui que a esmagadora maioria das pessoas não se encontra satisfeita com este cenário (92%).

E como fazer para inverter esta situação? Na poupança a longo prazo está o segredo.

Quando devo começar a poupar para a reforma?

Não existe uma resposta certa para esta questão. Depende muito do seu orçamento familiar e da margem que consegue colocar de lado para a constituição do seu pé-de-meia. É muito comum a preocupação começar a curto prazo (5 ou 10 anos antes da reforma). No entanto, este prazo pode não ser suficiente para garantir a tal “almofada de conforto”.

Qual a poupança mensal que deverei efetuar?

Com a constituição de um Plano de Poupança Reforma existe a flexibilidade de entregas mensais regulares e ajustadas à estratégia que definir. Por exemplo, no caso do PPR da PRÉVOIR pode começar a delinear o seu plano para a reforma a partir de 25€/mês.

Deste modo, aqui fica um resumo das dicas para uma reforma serena…

  • Comece a poupar o mais cedo possível. Quando mais novo tiver esta preocupação, melhor viverá a reforma.
  • Opte por um PPR que lhe permita entregas flexíveis, para uma melhor gestão orçamental.
  • Encare sempre o PPR como uma poupança a longo prazo. Durante os imprevistos da vida não caia na tentação de recorrer logo a estes capitais, porque pode ser uma decisão precipitada.
  • Estabeleça uma rotina de poupança mensal em todas as fases da sua vida. Esta disciplina é fundamental para as situações não programadas.

Não adie para amanhã, a satisfação de terminar a vida ativa sem preocupações! Contacte um dos nossos mediadores espalhados por todo o país e peça uma simulação personalizada que vá ao encontro ao seu contexto pessoal e familiar. São mais de 950 agentes e parceiros ao seu dispor! Poupanças a partir de 25€/mês podem – mesmo – fazer a diferença. Para mais informações, contacte-nos.

Partilhar Artigo

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo